Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

© Sagração do Dia

QUERES COMPRAR? CONTACTA-ME: ana.eugenio@sapo.pt

05
Mai22

a ausência

Ana

sou como o ar. existo em toda a parte. sou tido como garantido. e, no entanto, posso ser rarefeito. ou destruidor, apenas num sopro. sou suave como uma brisa. espalhafatoso como uma ventania. arrebatador como um ciclone. sou a semente de toda a bonança. e de todas as tempestades. a natureza reconhece-me como essencial à vida. mas eu sou instável e inseguro. sou como um tornado que passa e arrasa tudo. e volto quando tudo se reconstruiu. sou ausente. mas sou poderoso. sou a semente de toda a criação. e de todo o caos. sou o nada que é tudo. e tal como crio e desmorono vidas. desabo-me.

Ana Eugénio

este espaço é um convite para partilharem a vossa opinião sobre o Sagração do Dia :)

6 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.